Concurso do INSS 2022 esta com 7.575 vagas Solicitadas.

 O concurso INSS do Instituto Nacional do Seguro Social deve acontecer antes das eleições de 2022! Um dos mais aguardados concursos públicos do país devido ao grande quantitativo de oportunidades que poderão ser ofertadas está com edital cada vez mais próximo. A autarquia teve uma redução drástica no quadro de pessoal nos últimos anos. Sem certame, o total de vacâncias chega a mais de 21 mil.

Um novo pedido de autorização, mais detalhado e específico, foi enviado ao Ministério da Economia no dia 18 de junho de 2021, contemplando 7.575 vagas para os cargos de analista e técnico do INSS. Este novo documento complementa e substitui o primeiro, que originalmente requisitava um total de 10 mil vagas.

O presidente do INSS, Leonardo Rolim, confirmou que o novo certame está no PLOA 2022. A informação foi passada para a Federação Nacional dos Sindicatos neste mês.

Confira utilizando o índice nesta matéria TUDO sobre a situação e detalhes do último edital INSS.

Concurso INSS: remuneração e benefícios

Veja abaixo os valores a receber pelos profissionais de acordo com a ocupação e a carga horária semanal de trabalho.

Técnico do Seguro Social do INSS (40h) Analista do Seguro Social do INSS (40h)
Classe A R$ 5.447,79 R$ 8.357,07
Classe B R$ 6.374,39 R$ 9.552,88
Classe C R$ 7.274,11 R$ 10.682,69
Classe Especial R$ 8.260,25 R$ 11.958,67

 

Perito Médico Federal (30h)
Classe A R$ 10.923,26
Classe B R$ 11.605,06
Classe C R$ 12.379,01
Classe D R$ 13.257,57
Classe Especial R$ 14.489,71

 

A remuneração é composta de três parcelas, sendo: o vencimento básico, Gratificação de Atividade Executiva (GAE) e Gratificação de Atividade de Desempenho de Atividade do Seguro Social (GDASS).

Os valores acima foram encontrados na Tabela de Remuneração dos Servidores Públicos Federais Civis e dos Ex-Territórios e têm como referência o mês de janeiro de 2020.

Concurso INSS – Auxílios recebidos

As remunerações acima devem ser somadas:

  • R$ 458 de auxílio-alimentação e
  • R$130 do auxílio saúde (para o titular e mais o mesmo valor para cada dependente).

Concurso INSS: cargos e vagas

O número oficial de vagas solicitadas ao Ministério da Economia pelo Instituto Nacional do Seguro Social foi confirmado. Ao todo, o pedido para o novo Concurso INSS contempla 7.575 vagas, sendo:

  •  1.571 para Analistas;
  • 6.004 para Técnicos.

Apesar do cargo de Técnico do Seguro Social ser naturalmente regulamentado como uma atribuição de nível médio,  o documento solicita que  ambos os cargos sejam de nível superior. A justificativa para a atualização de requisitos diz respeito ao entendimento do INSS de que: “a complexidade das atividades realizadas no  reconhecimento dos direitos requer o nível superior”.

Contudo, no fim do mês de junho, o diretor de Gestão de Pessoas afirmou que o ensino médio completo será o requisito oficial. “Não haverá alteração de escolaridade. Essa foi apenas uma sugestão. Um próximo concurso INSS deve exigir o nível médio para o técnico”, esclareceu.

Cargos vagos

De acordo com o levantamento de maio de 2021, apresentado no Portal Brasileiro de Dados Abertos, o quantitativo de cargos vagos foi de:

QUANTITATIVO CARGO
20.185 Técnico do Seguro Social
2.385 Analista do Seguro Social
22.570 Total

Além disso, segundo o Painel Estatístico de Pessoal do Ministério da Economia, atualmente 54,11% dos servidores estão aposentados.

Concurso INSS: carreira

Requisitos

Cargo Exigência(s)
Técnico do Seguro Social diploma de nível médio completo.
Analista do Seguro Social diploma de nível superior na área com vagas disponibilizadas em edital.
Perito Médico diploma de nível superior em Medicina e registro regular no Conselho Regional de Medicina (CRM).

Os cargos de Analista no INSS podem ser para profissionais de diversas áreas. Em editais anteriores já foram ofertadas carreiras para:

  • Estatística;
  • Ciências Contábeis;
  • Direito;
  • Administração;
  • Engenharia Civil;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia Elétrica;
  • Engenharia de Telecomunicações;
  • Engenharia com especialização em Segurança do Trabalho e Serviço Social.

Atribuições

Técnico do Seguro Social

  • realizar atividades internas e externas relacionadas ao planejamento, à organização e à execução de tarefas de competências constitucionais e legais do INSS que não demandem formação profissional específica;
  • coletar informações, executar pesquisas, levantamentos e controles, emitir relatórios e pareceres;
  • e exercer, mediante designação da autoridade competente, outras atividades relacionadas às finalidades institucionais do INSS.

Analista do Seguro Social

  • prestar atendimento e acompanhamento aos usuários dos serviços prestados pelo INSS nas Agências da Previdência Social – APS e aos seus servidores, aposentados e pensionistas;
  • elaborar, executar, avaliar planos, programas e projetos na área de Serviço Social e Reabilitação Profissional;
  • supervisionar e homologar os programas profissionais realizados por terceiros ou instituições conveniadas;
  • realizar avaliação social para fins de concessão de direitos previdenciários e benefícios assistenciais;
  • promover estudos sociais e socioeconômicos, pesquisa e levantamento de informações visando à emissão de parecer social para subsidiar o reconhecimento e a manutenção de direitos previdenciários e benefícios assistenciais, bem como à decisão médico pericial;
  • e exercer, mediante designação da autoridade competente, outras atividades relacionadas às finalidades institucionais do INSS.

Perito Médico

  • emissão de parecer conclusivo quanto à capacidade laboral para fins previdenciários;
  • inspeção de ambientes de trabalho para fins previdenciários;
  • caracterização da invalidez para benefícios previdenciários e assistenciais; e
  • execução das demais atividades definidas em regulamento.

Os ocupantes do cargo de Perito Médico Previdenciário poderão executar, ainda, nos termos do regulamento, as atividades Médico-Periciais relativas à aplicação da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990.

Concurso INSS: etapas de provas

Os candidatos inscritos foram avaliados por somente uma etapa, sendo:

  1. provas objetivas de caráter eliminatório e classificatório.

Prova objetiva do concurso INSS

Confira as disciplinas de acordo com o cargo ofertado:

Técnico do Seguro Social

Conhecimentos básicos

  • Língua Portuguesa – 15 questões
  • Ética no serviço público – 6 questões
  • Regime Jurídico Único – 6 questões
  • Noções de Direito Constitucional – 7 questões
  • Noções de Direito Administrativo – 5 questões
  • Raciocínio Lógico – 6 questões
  • Noções de Informática – 5 questões

Conhecimentos específicos

  • Seguridade Social – 70 questões

Analista do Seguro Social

Conhecimentos básicos

  • Língua Portuguesa – 14 questões
  • Raciocínio Lógico – 5 questões
  • Noções de Informática – 5 questões
  • Legislação Previdenciária – 10 questões
  • Legislação específica – 6 questões
  • Noções de Direito Constitucional – 4 questões
  • Noções de Direito Administrativo – 6 questões

Conhecimentos específicos

  • Seguridade Social – 70 questões

Perito Médico

Conhecimentos básicos

  • Língua Portuguesa
  • Ética no serviço público
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Administrativo

Conhecimentos específicos

  • Medicina geral
  • Legislação referente ao SUS
  • Medicina do Trabalho
  • Legislação do Trabalho
  • Legislação Previdenciária
  • Seguridade Social

A estrutura da prova foi composta por 120 questões no estilo de cobrança Cebraspe de “certo (C) ou errado (E). A duração das avaliações foi de 3 horas e 30 minutos, sendo aplicadas nos períodos da manhã (analista) e tarde (técnico).

A nota máxima a ser obtida foi de 120 pontos.

Notas mínimas:
Conhecimentos básicos: 10 pontos
Conhecimentos específicos: 21 pontos
Total da prova: 36 pontos

 

 

Concurso INSS previsto para 2022

Apesar das dúvidas levantadas com o pedido de 10 mil vagas, em entrevista ao Jornal CBN no dia 1º de junho de 2021, o presidente do INSS, Leonardo Rolim mostrou-se otimista em relação à aprovação pelo Ministério da Economia e afirmou: “Vamos precisar sim fazer concurso para substituir esses temporários e substituir também os servidores que estão se aposentando”, disse ele.

Com relação ao número de vagas, ainda não há um número oficial. Contudo, ainda de acordo com o presidente, a intenção é cobrir todas as 3 mil vagas temporárias e compensar ao menos parte dos servidores aposentados do órgão. A expectativa é que o certame aconteça em 2022.

A equipe de comunicação do Gran Cursos Online questionou o órgão sobre a possibilidade de um novo concurso e obteve a seguinte resposta:

“Prezados,

O INSS não protocolou solicitação de concurso público junto ao Governo Federal em 2020. Entretanto, como o próprio presidente já destacou, em diversas ocasiões, o INSS passa, neste momento, pela maior transformação de sua história, que findará em novos rumos para a autarquia, com prestação de serviço com mais agilidade, qualidade e segurança. Destacamos que, neste momento de transformação, estão sendo realizados profundos estudos no órgão, no sentido de mapear, considerando o novo cenário em que a Casa se encontra, qual a real necessidade de pessoal e suas qualificações para, futuramente, ser apresentado ao governo federal pedido de recomposição da mão de obra, com base na nova realidade do INSS.
Além disso, informamos, neste momento o INSS está em processo da contratação de temporários para atuação no atendimento e análise de benefício, o que ajudará a zerar o estoque de requerimentos à espera de análise há mais de 45 dias. A estimativa é, até maio de 2021, ter concluído o dimensionamento e planejamento de recursos humanos de médio e longo prazo, que permitirá a programação de concursos a partir de 2022, quando acabam os contratos dos temporários.
At.te.,
ACS – INSS”

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *